Categoria: Homens x Mulheres


Fui traída, o que faço?


Falar hipoteticamente a respeito de como se comportar diante da traição parece fácil, contudo quando acontece com você é que se percebe o quanto é difícil conviver com a dor que ela traz e ter de juntar os pedaços e seguir. Não é possível imaginar que uma pessoa traída possa passar pela situação sem nenhum arranhão, mas nenhuma pessoa é totalmente incapaz de superá-la, evitando assim um trauma mais sério em sua vida afetiva.

Pesquisa feita nos EUA e no Brasil aponta que 70% dos casais vivenciaram ao menos um caso extraconjugal e 90% não se separam. 35% dos traídos terminam a relação, o que mostra que a maioria dos traídos mantêm a relação mesmo depois de serem traídos. Então se a maioria tem razão o mais prudente seria perdoar e seguir adiante, contudo mesmo aqueles que dizem ter perdoado convivem com traumas por longo tempo.

É muito comum que a mulher traída se sinta boba, fraca e com auto-estima no chão. A reação inicial que era de raiva se abranda e resta a impotência diante do fato novo do qual nunca se está preparada. É natural que a pessoa traída tenha muitas dúvidas e poucas certezas nessas horas, pois nunca pensou em ser traída e muito menos teve treinamento para lidar com a situação.



Embora o momento talvez não seja o mais indicado para tomar decisões, é imperioso que a pessoa traída não perca muito tempo e tome a decisão de perdoar ou não seu parceiro, pois suas atitudes estarão dependentes dessa decisão. A decisão de perdoar ou não a traição dependerá exclusivamente de cada mulher, contudo ela terá que pesar os prós e contra dessa decisão com a maior racionalidade possível, e racionalidade é algo muito difícil de ser cobrado de alguém que acaba de descobrir uma traição.


Quando se toma qualquer das opções acima é preciso pesar os prós e contra que essa decisão trará, para tanto é necessário um grande esforço a fim de reunir toda lucidez possível na hora de decidir. Caso decida perdoar a traição evite ficar jogando na cara do outro o que aconteceu em qualquer oportunidade. Tente apagar definitivamente o episódio da traição da sua mente, perdoe por inteiro e tente recomeçar do zero a relação, não fique com o outro como se ele devesse algo a você por que a traiu isto só vai aumentar a angústia do infeliz episódio.

Deixe bem claro para ele que só deve estar com você de livre e espontânea vontade, que ele é livre para decidir o que realmente quer. Neste contexto é preciso compreender que a fidelidade é um acordo que se chega a partir de muita consciência do que se quer da relação. A partir de um diálogo franco é possível estabelecer um perdão de forma plena, deixando claro que ninguém é está acima de erros.


Não fique envergonhada em perdoar, afinal de contas a maioria dos que foram traídos perdoa e isso é um sinal de maturidade e compreensão da imperfeição humana. Não busque culpados, em outras pessoas que estão à volta do casal, assuma as responsabilidades que tiver que assumir com dignidade, afinal a decisão de perdoar inclui tudo que se relaciona a traição, dando a ela um tamanho muito menor do que o relacionamento de vocês dois. Pense no que pode tirar de bom da experiência que em princípio não parecia oferecer nada de positivo, reflita sobre a verdadeira razão de estarem juntos e tente corrigir eventuais problemas.



Comentários

neinha, em 12/03/2015 - 13:12

eu sou linda e ua gata
   

dulaide ferreira, em 20/12/2013 - 20:41

nao suporto homens mulherengos e se eu continuar cm ele e porq xyou preparando uma pior,mal caracer eles tem.
   

luana, em 03/06/2013 - 17:35

coisa dificil....
   

Insira seu Comentário aqui:

        Nome:    

    Mensagem:
                       

CAPTCHA

Digite as letras da imagem: